Mostrar 208 resultados

Registo de autoridade

A. D'Azevedo & Cª

  • Pessoa singular
  • 1904

Atelier fotográfico com sede na Rua Motta Veiga nº46, em Lisboa

ACDE

Água

Alarcão, Jorge de

  • Pessoa singular
  • 1934-

«Professor catedrático (aposentado) do Instituto de Arqueologia da Faculdade de Letras de Coimbra.
Licenciado em Ciências Históricas e Filosóficas pela Faculdade de Letras de Coimbra.
Pós-graduado em Arqueologia da Europa Ocidental pelo Instituto de Arqueologia da Universidade de Londres.
Doutor em Pré-história e Arqueologia pela Faculdade de Letras de Coimbra.
Doutor Honoris causa pelas universidades de Bordéus e Santiago de Compostela.
Foi Director do Instituto de Arqueologia da Faculdade de 1967-a 2002.
Foi coordenador científico do Centro de Estudos Arqueológicos das Universidades de Coimbra e Porto desde a fundação em 1993 até 2002.
Orientou, ou orienta, mais de quatro dezenas de teses de doutoramento e mestrado.
Foi, por três vezes, presidente do Conselho Directivo da Faculdade de Letras de Coimbra. Foi, igualmente presidente do Conselho Científico da mesma Faculdade.
Foi vereador da Câmara Municipal de Coimbra, tendo tido a seu cargo o pelouro da Cultura, e membro da Assembleia Municipal».

Algarvio, António Francisco

  • Pessoa singular
  • Século XX

Proprietário da casa comercial Foto Évora, na Rua Nova, em Évora

Arnaud, J. Morais

  • Pessoa singular
  • 1946-

Presidente da Direção da Associação dos Arqueólogos Portugueses desde 1995, exercendo por inerência as funções de Diretor do Museu Arqueológico do Carmo.
Licenciado em História, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
Especializou-se em Arqueologia na Universidade de Cambridge, Inglaterra.
Regressado a Portugal, desenvolveu um extenso conjunto de trabalhos arqueológicos no Centro e Sul do território nacional, estudando essencialmente a Pré-história recente e a Proto-história. Destacam-se o estudo dos povoados calcolíticos de Penedo do Lexim, Alcalar e Porto Torrão, e um Projeto interdisciplinar sobre os concheiros mesolíticos do Vale do Sado, que desenvolveu entre 1983 e 1988.
Foi arqueólogo do IPPC e IPPAR, tendo sido responsável pela elaboração dos primeiros cadernos de encargos e pela coordenação das equipas que elaboraram os primeiros estudos de impacto arqueológico desenvolvidos por essas entidades, nos finais da década de 80 e inícios da década de 90.
Foi um dos fundadores do IPA, entre 1997 e 1999, tendo coordenado o sector responsável pela avaliação dos estudos de impacte arqueológico de grandes empreendimentos públicos e privados.
Em 1999 fez provas públicas para Assessor do IPPAR, onde exerceu funções de Assessor do Presidente para assuntos arqueológicos, até à extinção daquele organismo.
De 2005 a 2008 exerceu funções de Assessor Principal junto da Direção do IGESPAR.
A partir de 2008 passou a dedicar-se à Associação dos Arqueólogos Portugueses, ao Museu Arqueológico do Carmo, e à consultoria no domínio da Arqueologia.

Resultados 1 a 10 de 208